sexta-feira, 18 de julho de 2014

A glória de Deus


Olá amigos, está aqui mais uma composição do amigo Antônio Francisco Lacerda (Toninho Lacerda), para a nossa edificação. confira também o áudio ao final do texto.

A glória de Deus

01 >
Inspirada em Lucas 17:11-19 >
Para  o  nosso  meditar,  uma  história  vou  contar:
Certa  vez,  Jesus,  a  dez  leprosos,  no  caminho,  fez  purificar.
Mas,  um  dos  dez,  ao  constatar  que  estava  limpo,  quis  voltar.
E,  aos  pés  de  Cristo,  muito  lhe  agradeceu,
pondo-se  a  dar  glória  a  Deus  e,  em  alta  voz,  louvar!
< Coro >
Viverei  para  a  glória  de  Deus!...  Para  a  glória  de  Deus,  viverei!
[e  cantarei!]  AD  MAJOREN  GLORIAN  DEI:  seja  toda  glória  a  Deus!
02 >
Inspirada em Marcos 7:20-23 + Filipenses 4:8 >
Tudo  que  eu  pensar  se  reflete  em  meu  falar;
em  meus  atos,  nos  meus  bitos  e  o  meu  caráter  faz,  enfim,  moldar.
Tudo  o  que  se  possa  amar,  se  algum  louvor  e  virtude  há;
tudo  o  que  é  bom,  verdadeiro,  justo,
honesto  e  puro,  seja  o  que  ocupe  o  meu  pensar!
03 >
Inspirada em 1ª Co 8:1 + 2ª Co 3:6 + Jeremias 9:23,24 + Gálatas 6:14 >
Se  o  saber  faz  orgulhar,  o  Amor  faz  edificar.
Enquanto  a  letra  faz  matar  alguém,  o  Espírito  faz  vivificar.
Queira,  somente,  se  orgulhar  em  conhecer  a  Deus  e  O  amar!
E,  no  mais,  gloriar-se  na  cruz
do  nosso  Senhor  Jesus,  [que  é]  poderoso  pra  salvar!
04 >
< Inspirada em minha própria experiência e história de vida >
Sobre  terra  ou  mar,  farei  o  que  Deus  mandar,
irei até onde a Sua Graça  – melhor que a vida –  possa me guardar!
Não  posso  me  contentar  com  menos  do  que  servir  e  amar
a  esse  Deus,  de  tão  maravilhoso...
Pra  Ele,  até  mesmo,  eu  pago  para  trabalhar!
< L / M: Toninho Lacerda / 10.10.2011 / Tom: C /  Gravação c / Luan 10.03.2012 

Nota do compositor: Johann Sebastian Bach, músico alemão, um dos maiores compositores 
de todos os tempos, ensinou que o objetivo único de toda a MÚSICA, 
[motivo de toda canção] deve ser a glória de Deus e uma recreação agradável.
Nas margens de muitas de suas partituras foram encontradas as iniciais AMGD, 
do latim “AD MAJOREN GLORIAN DEI,” que se traduz: “A DEUS, SEJA TODA A GLÓRIA.”




Um comentário:

  1. Realmente, não podemos nos contentar c/ menos do que servir e amar a n/ Deus, de tão grande, bondoso e maravilhoso q tem sido p/ todos nós.
    Toninho / Sta Margarida MG, 21.07.2014

    ResponderExcluir


Publicidade                   Anuncie Aqui

Postagens populares