quarta-feira, 21 de setembro de 2011

A estratégia do lobo, e os cuidados do Pastor...


"Um lobo não ataca uma ovelha tão logo ela se distancia do rebanho. Ele espera que ela se afaste mais e mais. Fazendo-se de inofensivo, estimula o animal desgarrado a testar aos poucos seus limites, a aventurar-se, a ir cada vez mais longe do pastor. Quando finalmente ele dá o bote, é certeiro. Não há tempo para que a ovelha fuja e ninguém mais ouça seus balidos no deserto. É a vitória da sagacidade sobre a ingenuidade. Longe de Cristo, ficamos indefesos, da mesma forma que a ovelha afastada do seu pastor se acha à mercê do lobo com seus ardis."
(Marcelo Aguiar, em Cura Pela Palavra, pg 85).

"Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas.
Mas o mercenário, e o que não é pastor, de quem não são as ovelhas, vê vir o lobo, e deixa as ovelhas, e foge; e o lobo as arrebata e dispersa as ovelhas." (João 10:11-12)

Jesus é o bom pastor, e ele entregou sua vida por nós, nós somos comparados às ovelhas do seu pasto, e devemos como ovelhas do pastor amado, estar atento à sua voz.
Mas muitas vezes, queremos trilhar nosso próprio caminho, sem dar atenção às recomendações do nosso Senhor, e por isso somos presa fácil nas garras do lobo.

Por que não ouvir o chamado do Pastor Amado e voltar logo para o aprisco?
Volte logo, pois o lobo pode estar por perto, esperando o momento certo para dar o bote final.

Com Jesus, temos a tranquilidade de uma ovelha aos cuidados de seu pastor!


Comentado por: Thiago Vieira Machado (Thiaguinho)

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Publicidade                   Anuncie Aqui

Postagens populares